ARTURITO – VISITA DE 04/ 01/ 2011.

Postado por Patrícia De Mauro.

Arturito era uma ideia antiga, porém a lista de lugares para conhecer é um pouco grande, ainda mais quando se mora em São Paulo, e numa dessas noites decidimos, e fomos ao sacrifício.

Li alguns artigos sobre o restaurante, mas nada melhor do que ir pessoalmente.

Começamos muito bem, um couvert de respeito, pães feitos na casa, macios e frescos, um azeite que chegava a ser cremoso com um queijinho ralado parmegiano delicioso.

Olhamos o cardápio, e de entrada pedimos, mexilhões fresquíssimos a provençal com torradas de bom pão, era exatamente assim que estava escrito, e foi exatamente assim que veio, que frescor, delicadamente saboroso, sentia aquele gosto do molusco com vinho branco e uma manteiga, e o bom pão deveria ser chamado de maravilhoso crock, uma torradinha perfeita, acertamos em cheio a entrada.

Vamos então aos pratos principais: Mauro – Capellini con calamari ou seja uma massa bem fininha com lulas fresquíssimas tomates San Marzano, manjericão, azeitonas marroquinas e peperoncino.

Eu – Spaghettini, com camarão fresco, rúcula, dill, gengibre e limão siciliano. Tenho que confessar que trocamos os pratos, na verdade eu que pedi o Capellini, estava muito gostoso, porém o pepperoncino é de verdade, bem apimentado e eu vi que não aguentaria até o final do prato, daí pedi ao Mauro e ele aceitou, abaixo ele deixa suas impressões do jantar.

O Spaghettini que delícia, uma massa bem fina com um camarão com todo frescor e no ponto exato, o gengibre com o limão siciliano, um molho com sabor único, que mistura, que prazer… foi espetacular!

E vamos as sobremesas:

Mauro – Confit de peras, manchego espanhol (queijo de ovelha da região da La Mancha na Espanha, de consistência firme e textura amanteigada, sabor distinto, bem desenvolvido, não muito forte e ligeiramente picante, deixa um gostinho no fundo do leite da ovelha), shortbread (massinha crocante) de amêndoas e saba con tartufo bianco (tipo um caldinho com um leve toque de trufa branca).

Eu – Brioche french toast, molhado num creme de cointreau, dourada com açúcar, servida bem quentinha com mascarpone caseiro e morangos frescos (fruta da estação) com uma leve caldinha, que delícia o brioche parecia uma pão de ló de tão leve, deliciosamente perfeito!

Ambiente bem estruturado, o atendimento muito atrás da qualidade da cozinha, fomos atendidos por uma atendente que foi muito arrogante na nossa chegada, passou a impressão que ela não queria nos atender, levou um bom tempo para realmente sermos atendidos, mas após nos ver com uma máquina tirando fotos do couvert, que mudança, começou a se aproximar com mais simpatia, tentou fazer perguntas, quem éramos, para onde escrevíamos, e a pergunta que ela não parava de repetir: Vocês são críticos? a mudança da pessoa, pós câmera foi absurda, da água para o vinho. Vamos torcer para que isso mude, pois nem sempre estamos com uma câmera a mão.

A equipe da cozinha está de parabéns!!!

O QUE O MAURO ACHOU:

Gostei do Arturito pela comida. Os produtos usados são excelentes, frescos e bem preparados. No quesito cozinha ele merece 4 em 5 possíveis, tem rigor mas de certo modo falta élan em certos pratos.

De outro lado não gostei do Arturito. Senti o atendimento distante e com certa arrogância, falta cortesia aos funcionários. Tem ainda o problema de localização de nossa reserva, a mesa que nos destinaram ficava próxima a entrada do restaurante, em frente a porta de acesso a cozinha, onde se lavam as louças e onde os funcionários se juntam para fofocar. Total desrespeito, não seria difícil isolar ou esconder a porta com uma divisória.

Não quero melhor tratamento por estar com uma câmera fotográfica na mão. Quero melhor tratamento porque me dispus a comer e pagar pela refeição naquele restaurante, incluindo o serviço. Desejo ser bem tratado, pelo menos na proporção em que trato aos que me cercam.

Em tempo a massa com molho vermelho e pimenta é excelente (R$ 56,00), os mariscos (R$ 56,00) e a outra massa (R$ 78,00) quase isso e as sobremesas, comi uma experimentei a outra, são boas (R$ 22,00 e R$24,00). Se voltaria? Acho que sim mas pelo preço mereço mais do que recebi (R$ 539,37 para duas pessoas, sem o Vallet) preços de 04/ 01/ 2011.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s